Rio Imperial, um roteiro tira você dos clichês

Além dos programas tradicionais, o RJ tem atrações que te faz mergulhar na história do Brasil
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Banhado por um mar de águas geladas e areias quentes, o Rio de Janeiro tem uma beleza exuberante, o clima tropical faz o sol bilhar com intensidade e dar vida às florestas que ocupam as altas montanhas que recortam os 50 km de praias lindas sempre ocupadas por pessoas descontraídas que se deliciam ao refrescante mate gelado vendidos pelos camelos. Essa é a atmosfera que resume em apenas uma frase o que é o Rio de Janeiro.

 

Centro Cultural Banco do Brasil

foto: divulgação

Mas a cidade que é porta de entrada do Brasil não só vive de beleza, a história deste lugar é fantástica e por mais interessante e lindo que sejam os monumentos históricos do Rio, eles ficam fora dos circuitos turísticos geralmente visitados por todos.

 

Mosteiro de São Bento 

Após a descoberta de ouro no Brasil, por conta da logística, a capital deixou de ser Salvador e passou a ser o Rio, mais próxima das Minas Gerais, o ouro extraído das enormes minas que chegou a produzir a maior quantidade do metal no mundo, passava pelo porto do Rio de Janeiro e seguia para Portugal. Com este ciclo, a cidade começou a se desenvolver e ganhar edificações.

foto: divulgação

 

Parque Lage

Algum tempo depois, com a invasão napoleônica Europa dentro, o rei de Portugal, Dom Joao VI estrategicamente se mudou com toda a corte para o Brasil e se instalou no Rio de Janeiro transformando a cidade na capital do império português. Nesta época a cidade ganhou ares de nobreza e grandes edificações começaram a serem construídas. Palácios, universidades, igrejas subiram com muita suntuosidade, praças e parques foram projetados e espalhado por todo município. A criação do Jardim Botânico aos pés do corcovado teve palmeiras plantadas pelo próprio rei, hoje com mais de 200 anos, estas palmeiras atingiram altura superior a 40 metros. Bem próximo dali, o Parque Lage se destaca com o luxuoso e lindo palacete que tem aos fundos o corcovado e majestoso Cristo abençoando a cidade.

foto: divulgação

 

Teatro Municipal

Subindo a floresta da Tijuca pelo caminho do jardim botânico, o turista encontrará a belíssima vista chinesa, este local era usado pelos chineses trazidos por Dom Joao para a plantação de chá. Se continuar o caminho chega-se ao Cristo Redentor ou até mesmo em Santa Tereza, um bairro boêmio cheio de antigos palacetes e charmosos restaurantes. Abaixo, o centro tem as edificação mais imponentes, por ali funcionou o coração do reinado, exemplo disso são os edifícios da Cinelândia, como o Teatro Municipal, a Biblioteca Nacional e o imperdível Museu de Belas Artes, próximo dali, está também o prédio da assembleia legislativa, o paço imperial.

foto: divulgação

Ilha Fiscal

A Ilha Fiscal na baia de Guanabara, tem o palácio onde aconteciam as grandes festas da corte, próximo dali, o Mosteiro de São Bento tem o interior cravejado de ouro e desenhado no estilo barroco, não muito longe a Igreja da Candelária tem o interior luxuoso e a fachada imponente, já a Igreja da Ordem Terceira do Carmo, como está perto, você não pode deixar de ir, se caminhar um pouco mais, você saíra do passado e vai de volta para o futuro ao chegar no moderníssimo Museu do Amanhã. A área toda revitalizada para os jogos olímpicos ainda tem excelentes bares e restaurantes.

foto: divulgação

 

Palácio do Itamaraty

No edifício do Quartel General dos Bombeiros funciona o museu histórico da corporação e não pode deixar de ser visto. Em frente, há um parque imperial chamado Campo de Santana, atravessando, chega-se ao Palácio do Itamaraty que impressiona pelo luxo interior. Este prédio serviu por muitos anos como sede do governo brasileiro.

foto: divulgação

Palácio do Catete

O Palácio do Catete foi um prédio erguido para ser a residência do cafeicultor luso-brasileiro Barão de Nova Friburgo, após sua morte passou por outras funções até ser sede do governo e serviu de palco do suicídio de Getúlio Vargas, funciona hoje como Museu da República. Já o lindíssimo Palácio da Guanabara no bairro das Laranjeiras é a sede do governo estadual e tem visitas guiadas aos sábados. Para finalizar, não podemos deixar de falar da Quinta da Boa Vista, local que serviu de residência oficial da família real brasileira. Hoje, além de funcionar como museu, você pode visitar também o zoológico que fica no quintal do palácio.

foto: divulgação

Vista Chinesa

Voltando ao velho clichê das lindas praias do Rio, fora aquelas que todos já conhecem, você não pode deixar de ir na escondida Praia do Joá e na exótica Prainha. Outro passeio imperdível para os amantes de aventura e para os não amantes também, é a subida da Pedra Bonita de onde partem o voos de asa delta, se tiver coragem, se joga, se não, apenas de as costas e desça novamente dentro de seu carro, protegido pelo ar condicionado.

foto: divulgação

Subir de moto-táxi até a base da pacificada favela do Vidigal e fazer uma caminhada de 30 minutos até a cabeça do Morro Dois Irmãos, é algo interessante, mas não para todos, a caminhada é tranquila mas exige um pouco de esforço que é compensado pela vista toda da cidade… Enjoy!!!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Nossas redes sociais

Publicidade

Veja também

Receba novidades em seu e-mail!

Preencha seu nome e e-mail nos campos a seguir!

Copyright © 2022. Todos os direitos Reservados. Feito por Thiago Regis.